Tânia e Tiãozinho no segundo mandato
Por

Tânia e Tiãozinho no segundo mandato

Os sábios sempre dizem: Em time que está ganhando não se mexe.

E foi com essa sabedoria que a população de Uruana de Minas escolheu a dupla que governou o município nos últimos quatro anos, Tânia Menezes e Sebastião Gaspareto, para governá-lo por mais quatro anos.

E emoção não faltou durante a cerimônia de posse, principalmente na hora em que a prefeita entrou no plenário da Câmara, quando os presentes começaram a cantar o single da campanha.

Tânia, que já entrara na história da região sendo a primeira prefeita do Noroeste Mineiro, agora entra na história novamente, sendo a primeira prefeita reeleita da região noroestina das gerais.

Após fazerem o juramento e assinarem o termo de posse, Sebastião Gaspareto e Tânia Menezes se dirigiram à população.

O vice-prefeito agradeceu a todos os uruanenses que deram seu tempo e energia para que chegassem à vitória: “O sentimento que me conduz hoje, neste ato, é o mesmo que me conduziu durante a campanha, e, por que não dizer, durante toda a minha história até aqui:

O sentimento da esperança.

Este ato de posse, carregado de um intenso simbolismo, marca a renovação desta esperança, porque a mesma marca e simboliza o poder político na sua essência. Já a eleição, portanto, marca a cada 4 anos o poder da democracia, onde homens e mulheres de uma sociedade escolhem o rumo que deverá ser seguido. Mas esta posse mostra também, e de forma muito profunda, que Uruana de Minas teve o privilégio e a sabedoria de ter construído um sólido consenso sobre o caminho a ser seguido. Foi com esse jeito de governar apoiado, sobretudo na ética, na transparência e na participação popular, que os eleitores reafirmaram seu acordo nas eleições do último mês de outubro. Essa forma de governar permite que descubramos erros e falhas e nos aponta os caminhos para corrigi-los. Permite-nos ver o todo, nos impõe a humildade de não nos considerarmos donos da verdade, nem mágicos portadores de soluções instantâneas para os problemas. A busca permanente de consensos e de parcerias é a marca registrada deste caminho, que permite o município encontrar, passo a passo, pouco a pouco, soluções para os problemas até então tidos como incontornáveis”, disse Sebastião Gaspareto enumerando os desafios que terão pela frente e finalizou: “Nas urnas mais uma vez os eleitores nos confiaram o seu voto, dando-me mais uma vez o direito de participar do governo nos próximos 4 anos, mas não serei vice-prefeito apenas destes que me confiaram o mandato, e sim, governarei para toda a população, observando os princípios de democracia , trabalho e respeito. No meu coração não existe lugar para o ódio, mágoa ou outro qualquer sentimento menor.

O sentimento que me rege é um sentimento de querer trabalhar cada vez mais pela minha terra e servir a minha gente”.

Para a prefeita Tânia Menezes “a reeleição é um momento novo, de renovação, que irá trazer mais progresso para o município”, disse lembrando que seu grupo político, através das administrações, tem transformado o município, se destacando no noroeste, e que nos últimos quatro anos foram investidos em Uruana mais de 10 milhões de reais.

“Tenho grande orgulho de ter administrado Uruana nos últimos anos e mais alegria ainda em poder continuar trazendo mais recursos e trabalhar para realizar os projetos que complementam todos os setores da administração. Temos o dever cumprido de ter administrado com responsabilidade e ter realizado todos os nossos compromissos feitos na administração anterior”, falou a prefeita, enumerando que, na próxima gestão, o homem do campo terá prioridade, o hospital será ampliado, o índice de desenvolvimento educacional será elevado, a ação social terá mais programas de geração e complementação de renda.

“Faremos ainda muito e muito mais história de progresso em Uruana. Hoje, com a crise brasileira que atinge todos os municípios, tenho a honra de estar mudando de mandato com a contabilidade da prefeitura em dia, sem nenhum resto a pagar sem o recurso estar na conta. Nossa administração a todo o momento foi responsável e teve respeito para com a população que nos deu a oportunidade de administrar Uruana. Eu e meu marido Tiãozinho, que foi quem plantou a semente que germinou o nosso município, dedicamos a maior parte de nossas vidas a esta cidade. Não temos a vaidade do poder, como algumas pessoas imaginam.

Temos é comprometimento com o trabalho, dedicação e lealdade a esta população que sempre que necessitamos nos confiou com o seu apoio e seus votos. Cada dia cresce mais ainda a nossa responsabilidade. Não é mesmo comum um casal administrar uma cidade por 12 anos. Mas também não é comum um casal deixar parte de sua vida familiar para dedicar a outras pessoas. Fizemos isto com alegria e continuaremos fazendo o que for possível para amenizar as dificuldades da vida dos nossos amigos uruanenses”, falou a prefeita pedindo aos vereadores que cumpram os seus compromissos em palanque aprovando os projetos que beneficiam a população, pois segundo ela, nos últimos anos presenciou o legislativo votar contra recursos para doação de cestas básicas, pão e leite e auxílio funeral.

“Somos funcionários do povo. O que recebemos de salário é o povo que nos paga. Precisamos retornar com responsabilidade o que recebemos desta população. O mais importante que tenho a dizer para nossos companheiros, nossos amigos é que as ameaças foram em vão. Estamos prontos, e a partir deste momento somos os novos governantes de Uruana, e que a cidade continuará a progredir, porque estamos no caminho certo”, finalizou a prefeita reeleita de Uruana de Minas, Tânia Menezes Lepesqueur.

 

Fonte: Jornal Tribuna

0 0 293 01 abril, 2013 Destaques abril 1, 2013

Sobre a Prefeitura

Veja todas as Notícias deadmin

Comentários (Facebook)